O SEU PORTAL NA BAHIA

Notícias Esportes

Atlético-MG deixa Goiás empatar após ficar duas vezes na frente

Time mineiro chegou aos oito pontos no Brasileirão, mas tropeço o impediu assumir a liderança

Atlético-MG deixa Goiás empatar após ficar duas vezes na frente
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O Atlético deu o segundo tropeço consecutivo no Campeonato Brasileiro, pelo mesmo placar e, em ambos, após ficar em vantagem. O time mineiro ficou duas vezes à frente do placar, mas deixou o Goiás empatar. A partida, que aconteceu na noite deste sábado, 30, terminou em 2 a 2 no estádio da Serrinha, pela quarta rodada. Com o resultado, o invicto Atlético chegou aos oito pontos no Brasileirão. Apesar do tropeço, que o impede de assumir a liderança, a equipe alvinegra alcançou a marca de 18 jogos sem derrota na temporada, sendo 13 vitórias e 5 empates. O Goiás é o inverso. O clube esmeraldino chegou ao oitavo jogo sem vitória. São seis derrotas e dois empates. Na tabela do Campeonato Brasileiro, tem apenas dois pontos, brigando diretamente contra o rebaixamento.

Aos 38 minutos, coube a Hulk inaugurar o marcador. Nacho achou o artilheiro na meia lua. Ele bateu colocado e mandou no fundo das redes, sem chance para o goleiro Tadeu. O gol é o de número 51 do atacante, em 83 jogos com a camisa alvinegra. O segundo tempo foi de muita emoção. Jair Ventura colocou o time para frente e fez brilhar a estrela de Apodi. O lateral recebeu em velocidade, do que jeito que gosta, tabelou com Elvis e, de cabeça, empatou. Mas Vargas, três minutos depois, tratou de esfriar o ânimo esmeraldino. Recebeu de Guilherme Arana e desviou para o gol. 

Em vantagem, o Atlético parecia ter o controle do jogo, mas esqueceu de combinar com o Goiás. Aos 35 minutos, o VAR viu um toque de mão de Guilherme Arana dentro da área: pênalti. Elvis foi para a cobrança e igualou o marcador. Após empatar, Jair Ventura resolveu colocar o time novamente em uma postura mais defensiva. Os minutos finais foram de ataque contra defesa. O Goiás se fechou e chamou o Atlético. O time alvinegro foi com tudo para cima, mas a vitória ficou na trave, em tentativa do zagueiro Nathan Silva. Na próxima rodada, o Atlético desafia o rival América no sábado, às 16h30, no Mineirão, em Belo Horizonte. No domingo, às 16h, o Goiás faz o clássico com o Atlético-GO, no Antônio Accioly, em Goiânia.

*Com informações do Estadão Conteúdo.

Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!