O SEU PORTAL NA BAHIA

Notícias Eleições 2022

Roma diz que TRE foi correto ao dissociar Neto de Bolsonaro: "é o candidato genérico de Lula"

É correta a decisão, uma vez que o próprio ex-prefeito de Salvador, ACM Neto, se diz contrário ao presidente Bolsonaro.

Roma diz que TRE foi correto ao dissociar Neto de Bolsonaro:
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O pré-candidato a governador da Bahia, ex-ministro da Cidadania e deputado federal, João Roma (PL), concordou com a decisão do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) que mandou suspender postagem do PT que associava ACM Neto (União Brasil) a Jair Bolsonaro (PL). Roma foi questionado sobre o assunto durante entrevista à apresentadora Dandara Barreto, da Rádio Mix, nesta segunda-feira (6). 

"É correta a decisão, uma vez que o próprio ex-prefeito de Salvador, ACM Neto, se diz contrário ao presidente Bolsonaro. Já que ele está contra o presidente Bolsonaro, não faz sentido vinculá-los em qualquer tipo de propaganda. Que o PT seja mais criativo em suas ações", disse João Roma, ressaltando que, enquanto ACM Neto é o pré-candidato genérico do PT, Jerônimo Rodrigues é o oficial.

Roma apontou que nenhuma das duas pré-candidaturas opostas à dele estão alinhadas ao caminho agora trilhado pelo Brasil. "Nossa candidatura é a favor do povo da Bahia. Um povo que aspira por mudança, que quer mudança pra valer", declarou Roma, apontando o diferencial de sua pré-campanha. Roma também demonstrou que sua visão é distinta: "a minha visão é diferente da dos outros candidatos, que querem um estado inchado". 

"Eu acredito numa economia em que o cidadão possa dizer suas prioridades, esteja aliviado do peso do estado e consiga abrir novos estabelecimentos comerciais, iniciar novas prestações de serviço, atrair investimentos, novas indústrias e isso só se dá se o estado for competitivo, se a carga de impostos estiver baixa", explicou Roma, indicando um dos pontos em que está alinhado ao que defende o presidente Jair Bolsonaro.

Caminhos

"Qual o caminho que o Brasil está trilhando? De um lado você tem a reeleição do presidente Bolsonaro para que a gente continue avançando no Brasil, tendo orgulho do nosso verde e amarelo. Do outro lado, o ex-presidente Lula se apresentando como candidato que representa o quê? Que decepcionou milhões de pessoas, foi motivo de vergonha para todos nós", disse Roma, durante a entrevista à Rádio Mix. 

"O eleitor baiano deve buscar lá no fundo do seu coração o sentimento de mudança que já passou dos limites no estado da Bahia. Cada homem e mulher da nossa Bahia sabem que as coisas já passaram no limite do descaso, da falta de segurança. Precisamos de uma mudança profunda na Bahia e essa mudança não pode ser com a política do passado", declarou o pré-candidato bolsonarista.

Roma, ao ser questionado sobre a atuação do ex-prefeito de Salvador, comentou que Neto tem dissimulado seus pensamentos  para atrair o eleitorado de Lula, quando a população quer saber da essência de cada candidato e o que propõe para o futuro da Bahia. 

O ex-ministro da Cidadania deixou clara a sua posição. "Eu estou ao lado do presidente Bolsonaro e queremos uma Bahia de mãos dadas com o Brasil, diferente dele [ACM Neto] que não sabe o que quer para o futuro do Brasil. Diz que só se interessa pela eleição da Bahia, o que é claramente uma falsidade, pois o que ele se interessa mesmo é pelo seu espaço de poder", comentou. 

Para Roma, o genérico ACM Neto ou o pré-candidato oficial do PT, Jerônimo Rodrigues, representam a mesma política do atraso, do "toma lá, dá cá", que impede o desenvolvimento baiano.

Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!