O SEU PORTAL NA BAHIA

Notícias Eleições 2022

Neto venceria no primeiro turno para o governo da BA, diz pesquisa Real Time Big Data

Briga pelo senado existe e Dra. Raissa cresce em todo o estado

Neto venceria no primeiro turno para o governo da BA, diz pesquisa Real Time Big Data
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O ex-prefeito de Salvador ACM Neto (União Brasil) continua liderando em todos os cenários a disputa para o governo da Bahia em 2022, revela pesquisa Real Time Big Data divulgada pela Record TV nesta terça-feira (17).

Na pesquisa estimulada, quando é apresentada uma lista de candidatos ao eleitor, ACM Neto venceria no primeiro turno. Ele tem 55% das intenções de voto, enquanto Jerônimo Rodrigues (PT) conta com 18%, o deputado federal João Roma (Republicanos) alcança 10% e Kleber Rosa (PSOL), 1%. Brancos e nulos totalizam 9%, e 7% não souberam ou não responderam.

No levantamento espontâneo, em que não é apresentada uma lista de candidatos, ACM Neto tem 20% das intenções de voto. Em segundo lugar, aparecem tecnicamente empatados Jerônimo Rodrigues, com 6%, e o ex-ministro da Cidadania João Roma, com 5%. Kleber Rosa tem 0%. Brancos e nulos totalizam 4%. O percentual de entrevistados que não sabem ou não responderam é de 64%.

Rejeição para governador

No levantamento que perguntou qual candidato o eleitor rejeita para o cargo de governador da Bahia, três candidatos aparecem tecnicamente empatados: Jerônimo Rodrigues, com 29%, seguido por João Roma, com 28%, e por Kleber Rosa, que tem 26% de rejeição. ACM Neto é o candidato listado com a menor rejeição: 17%. Dos entrevistados, 39% não souberam ou não responderam.

Senado

Na pesquisa espontânea, o senador Otto Alencar aparece com 7%. Estão empatados em segundo lugar a médica Raíssa Soares, que tem 3%, o deputado federal Cacá Leão, com 2%, e o ex-governador Jaques Wagner (PT), com 1%. Brancos e nulos somam 5%. Um total de 82% dos entrevistados não soube ou não respondeu.

Sobre a pesquisa

A pesquisa foi realizada por telefone com 1.500 entrevistados entre os dias 14 e 16 de maio. A margem de erro é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95% — o que significa que, se levada em consideração a margem de erro, a probabilidade de o resultado do levantamento retratar a realidade é de 95%. A pesquisa foi registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sob o número BA-06101/2022.

Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!