O SEU PORTAL NA BAHIA

Notícias Justiça

Daniel Alves muda versão e alega que estava bêbado para se defender de acusação de estupro

Detido há mais de um ano na Espanha, jogador é acusado de agressão sexual contra uma moça de 23 anos; julgamento do caso está marcado para acontecer em cerca de duas semanas

Daniel Alves muda versão e alega que estava bêbado para se defender de acusação de estupro
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Detido há mais de um ano na Espanha, acusado de ter abusado e violentado uma jovem de 23 anos, o jogador Daniel Alves decidiu mudar sua versão pela quinta vez no processo que responde por estupro. A acusação se refere ao episódio, ocorrido em 30 de dezembro de 2022, na boate Sutton, na Catalunha, onde o atleta teria agredido sexualmente a moça. Inicialmente, o atleta afirmou que não conhecia a mulher. Contudo, imagens das câmeras de segurança da casa noturna mostram Daniel e a denunciante trancados no banheiro por 15 minutos. Resultados de exames de corpo de delito também apontaram a presença do sêmen do jogador nas amostras coletadas da mulher. Em abril, Daniel Alves admitiu que houve penetração na relação, mas afirmou que foi consentida. Agora, contudo, a defesa do jogador passará a alegar que ele estava embriagado na noite que teria abusado sexualmente da jovem, que mantém sua identidade preservada.

Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!