Carletto destaca ‘condutas ilibadas’ e nega acusações trazidas em delação dos Rusciolelli

Caletto afirma que “sempre atuou de forma transparente e em prol dos baianos e toda população brasileira”.

O deputado federal Ronaldo Carletto (PP) divulgou nota de repúdio e classificou como “inverdades” as informações trazidas na delação premiada da desembargadora Sandra Inês Rusciolelli e do filho dela Vasco Rusciolelli. A delação aponta que o deputado federal Ronaldo Carletto (PP) estaria envolvido no pagamento de propina para obtenção de uma sentença .  A delação da desembargadora investigada na Operação Faroeste foi homologada em junho deste ano pelo ministro Og Fernandes, do Superior Tribunal de Justiça (STJ) . 

Caletto afirma que “sempre atuou de forma transparente e em prol dos baianos e toda população brasileira”.

“A minha vida pública e particular sempre foram pautadas em condutas ilibadas. Desconheço a empresa citada na reportagem e seus sócios, tampouco, qualquer que seja o objeto do processo. Logo, nunca fiz pedido a quem quer que seja. Não conheço Vasco Rusciolelli e Júlio Cavalcanti. Portanto, acredito na Justiça e tenho certeza que minha trajetória de vida não será maculada por afirmações inverídicas e maldosas. Como já dizia Mário Quintana: ‘a mentira é a verdade que deixou de acontecer’”, disse.

Fonte: Bahia Notícias

Share