Bomba: Ex-integrante do MBL revela porque deixou o movimento

O vereador de Fortaleza Carmelo Neto revelou o motivo de ter deixado o MBL em 2019.

Nesta segunda-feira, dia 04 de outubro, um integrante do MBL fez grande revelação no programa Pânico da Jovem Pan. Vale lembrar que o Movimento Brasil Livre ganhou destaque nacional nas manifestações contra o governo Dilma.

Posteriormente o MBL deu seu apoio ao atual presidente Bolsonaro na campanha de 2018. E aproveitando a onda bolsonarista daquele ano conseguiram eleger diversos candidatos em vários estados. Contudo, pouco tempo depois acabaram rompendo com o presidente e iniciou uma chuva de críticas quase que diariamente contra o atual Governo.

Carmelo Neto diz que saiu do MBL porque tentaram lhe aplicar uma punição por discordar de fake News
O vereador de Fortaleza Carmelo Neto revelou o motivo de ter deixado o MBL em 2019. De acordo com o vereador, foi por conta de uma fake News que o movimento queria divulgar contra o presidente Jair Bolsonaro e que Carmelo foi contra. Dessa forma o MBL tentou lhe aplicar uma punição por discordar dos outros integrantes e por este motivo ele resolveu deixar o movimento.

“Em agosto de 2019 eu discordei deles, por cometerem uma fake news contra o Governo Bolsonaro e eu discordei e disse que não era dessa forma que eu pensava, não era dessa forma os fatos apresentados. E por discordar, eles apresentaram para mim uma punição, que seria uma semana sem postar nada nas minhas redes sociais. Por discordar, e aí na mesma hora eu sai.” disse Carmelo.

Por fim, ele também falou que a fake News era sobre o fundão eleitoral, onde ele se retratou nas redes sociais e os colegas do MBL não gostaram.

Share